segunda-feira, 10 de outubro de 2011

Pegando o gancho

Do Professor Dias - CLIQUE AQUI PARA ACOMPANHAR - argumento com algo mais singelo. Deixamos nossos escritos porque eles fazem a história do mundo. Milhares de espécies já se foram e nem sequer as conhecemos. Muitas outras se foram e os arqueólogos lutam para resgatar um pouco de suas histórias, através de um ossinho aqui e ali.

Mas a espécie humana deixou mais que ossos fragmentados e desfazendo-se em pó. Ela deixou registros, dos mais simples aos mais elaborados, contando sua história e trajetória aqui no terceiro planeta do sistema solar. Nenhuma alma humana se questionou porque o fazia; apenas foram seguidos instintos que estão no nosso DNA ancestral.

Eis que, graças à diligência de homens muito avante de seus tempos, a raça humana só perecerá se o planeta inteiro for destruído. Caso contrário, os escritos estarão aí, para que algo posterior a nós nos entenda e nos aceite. Com nossa grandeza e nossa insignificância.

Cada um de vocês tem o direito de discordar dos escritores. Mas vamos respeitar as escritas enquanto comunicação, para tempos que nós não veremos chegar. Não acreditar nessa possibilidade é negar-se o que mais fundamental nós temos: o espírito humano de fazer parte da História deste mundo.


4 comentários:

Dias disse...

Célio, saudações...

Mais uma vez você surpreende com palavras que, acredito, são traduzidas em atitudes em seu cotidiano.

A carona valoriza e incentiva, por isso fico-lhe muito grato.

Professor Dias.

CÉLIO LIMA disse...

Não há o que agradecer, Dias. É possível sempre obter a percepção da lógica, do intelecto a trabalho da evolução, do sentimento real de que somos iguais.

De que a Democracia e a sinceridade ferem, mas deixam cicatrizes que produzem orgulho e trajetórias. Por sentir que esta realidade permeia os seus escritos, nada mais justo que indicá-los.

Digo sempre que os homens de bem devem ocupar espaços; caso contrário os calhordas o farão.

Agradeço sua visita. Um abraço.

Anônimo disse...

Célio, boa noite.

O Dias e você bem que poderia fazer uma dupla na Câmara pois vocês são no minimo o mássimo.
Porque você não candidata a vereador ein.

Judite do Novo Cruzeiro.

CÉLIO LIMA disse...

Obrigado pelo elogio, Judite. Mas já publiquei aqui comentários de pessoas que pensam justamente o contrário de você.

Então, vamos incentivar o Professor Dias. Quem sabe ele se anima? faria um bem muito grande à João Monlevade, com certeza.