sábado, 22 de agosto de 2009

Finalmente o mastodonte tombou

E o prédio do Hospitalão poderá ser aproveitado para alguma coisa. Ainda haverá rombo para os cofres públicos - estou com preguiça de pesquisar os valores, ao contrário de "jornalistas" (dãã...) por aí que não sabem onde pesquisar, mas é menos ruim que o tal hospital seja finalmente enterrado.

Não deveria ter nascido, mas não adianta deixar como está, também. Creio que será possível resgatar alguma dignidade para o monstrengo se ele auxiliar no atendimento à região, via convênios intermunicipais. O que não dá para admitir é que Monlevade banque sozinha os custos de manutenção para atender aos pacientes das cidades vizinhas.

Mais tarde postarei sobre a "Síndrome do Coitadismo" que nos mantém, brasileiros, à margem do enriquecimento lícito e para muitos. Por agora, parabenizo o Prefeito Gustavo por tomar a atitude correta no momento correto, optando pelo árduo caminho de não ser demagogo.

Aos detratores da racionalidade, um lembrete: candidatar-se e vencer as eleições é fácil. Realizem e podem inaugurar um centro de referência em medicina avançada, no momento em que quiserem. Tudo o mais em volta será terra arrasada, assim como os cérebros que deveriam estar encaixados dentro de vossas brilhantes caixas cranianas. Mas a saúde brilhará do mesmo jeito.

Avisem antes, para eu poder me mudar de país. O Zimbábue me parece uma opção melhor. Não é possível que em outro ponto do planeta Terra, a mediocridade de intelecto tenha atingido um nível semelhante.

3 comentários:

Antonio Junior disse...

Comunidade agoniza no municipio de Bela Vista de Minas,do lado de J.Monlevade com a falta de tudo,agua potavel , rede de esgoto,estrada,tudo!
Esse lugar se chama Capela Branca,Macacos,Tquari,Mato Grosso,logo ali atraz do deposito de escoria quimica da Arcelor Mittal a nossa antiga mamae Belgo Mineira.

ESQUECIMENTO TOTAL!

Anônimo disse...

O HAITI E AQUI, BAIRRO DE BELA VISTA DE MINAS ,DENTRO DE MONLEVADE , ATRAZ DO DEPOSITO DE REJEITO DA USINA AGONIZA SEM O MINIMO DE INFRA ESTRUTURA.

Esse bairro se chama Capela Branca

Célio Lima disse...

Eu conheço o Capela Branca, e concordo que há um abandono difícil de aceitar ali. Quem sabe uma ajuda dos jornais da região, com uma matéria sobre as necessidades daquela comunidade, não faria Arnaldo investir em infa-estrutura para os moradores? Fica a sugestão - ligue para um dos nossos jornais - eles geralmente tem um poder de fogo maior que nós, isoladamente. Mas se quiser contar com minha ajuda, vamos agendar uma visita ao Capela Branca e eu divulgo aqui. Uma pena que sejam poucos leitores, mas por falta de interesse meu não vai deixar de acontecer a divulgação.