sexta-feira, 3 de junho de 2011

Valeu, Belmar!

Aquele abraço para o Vereador, que apresentou projeto cobrando dos bancos locais a instalação de guarda-volumes. Medida que o Drops de Sanidade sugeriu há um bom tempo e que já tinha passado da hora de ser proposta, no âmbito do Legislativo. Vereança é coragem, até a de propor quando pouca gente ( ou mesmo quase ninguém) acredita em algo.

O que deve ficar como motor de uma legislatura não é o impacto inicial de uma proposição, mas o alcance que ala terá para a sociedade. E uma medida simples como o guarda-volumes, por exemplo, atenderá bem a usuários e aos próprios bancos. Elimina o constrangimento de um lado, acelera o acesso ao interior da agência por outro. E a segurança é incrementada ainda mais.

Exemplos? Os celulares podem ficar no guarda-volumes, minimizando o efeito do golpe "saidinha de banco". E as portas automáticas ficam com o atributo principal de evitar o acesso de objetos metálicos, potencialmente perigosos, no interior da agência bancária.

Bola no ângulo, com um chute certeiro do Vereador Belmar. Parabéns.

Nenhum comentário: