quarta-feira, 7 de março de 2012

Um bilhãozinho aí?

Olha, não vamos ficar chateados à toa, ok? A postagem é para lembrar apenas. Estamos vivendo uma ditadura muito mais mortal que as outras conhecidas. É a ditadura do "se estamos certos, se nossos argumentos são únicos, quem não argumentar conosco é inimigo da verdade".

Argumentos únicos são apenas argumentos que ninguém mais teve a coragem ou a cara de pau de utilizar. Lembro-me de Fernando Henrique Cardoso afirmando que os aposentados eram "vagabundos", enquanto ele mesmo era aposentado (e com valores gordos) pela União.

Lembro-me de Luís Inácio da Silva sendo homenageado pela escola de samba Gaviões da Fiel, enquanto o clube de futebol que é uma paixão do ex-presidente petista leva de brinde um estádio de um bilhão de reais, pagos com nosso dinheiro.

Como eu já cansei de afirmar, direita e esquerda no Brasil é só uma forma de se chegar ao cofre. Ficarmos atirando pedras a esmo não nos leva a lugar algum, enquanto leva o país inteiro ao precipício numa velocidade cada vez maior.

Um comentário:

Mauro Lucio disse...

Você tem razão Célio. São todos farinha do mesmo saco.. aliás, depois desta declaração infeliz do 'presidente intelectual' as siglas de seu nome deveriam mudar de FHC para FDP, e o apelido do 'presidente analfabeto' deveria mudar de 'Lula' para 'Ali Babá'!